Você está aqui
Home > Notas > Melhor e Pior (parte I)

Melhor e Pior (parte I)

Neste início de ano no DF:

MELHOR – O anúncio da construção do viaduto na EPIG. Licitação será lançada em fevereiro, e prazo para concluir obra é de 10 meses. Intervenção ligará o Sudoeste ao Parque da Cidade.

PIOR – Ver pré-candidato a deputado distrital usar terno azul, postar vídeos nas redes sociais almoçando em restaurantes comunitários e fazer denúncias que foram feitas pela imprensa, só para lembrar as obras do tio famoso. Já ganhou até o sugestivo apelido de “Tiririca do Cerrado”. Candidato, antes de tudo, tem que ter personalidade própria e não tentar usurpar o sucesso alheio, mesmo de parente.

MELHOR – Taguatinga cresceu, se desenvolveu e as lideranças  exigem respeito e olhar diferenciado do Buriti para a cidade, que ajuda – e  muito – a encher os cofres públicos.

PIOR – Já virou costume do Palácio do Buriti, a nomeação de pessoas descompromissadas com Taguatinga. O constante rodízio de administradores regionais, somado à falta de investimentos na cidade e o sucateamento da Administração Regional, tornaram a cidade suja, triste e congestionada. Sem falar na revolta da população e dos empresários da cidade.

 

 

 

 

Fonte: Donny Silva

 

Deixe uma resposta

Top