12 VOTOS A 2

0
11

Por 12 votos a 2 a Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ) acaba de referendar o pedido de prisão preventiva e afastamento do governador José Roberto Arruda (sem partido).O mandado de prisão preventivo deve ser encaminhado à Polícia Federal para que cumpra a prisão. Arruda não está em Águas Claras.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui