19 DEPUTADOS DECIDEM PELO IMPEACHMENT DE ARRUDA

1
10

Arruda não contava com essa reação dos distritais! A Câmara Legislativa do Distrito Federal  aprovou no final da tarde,  com 19 votos favoráveis,  a abertura do processo de impeachment do governador licenciado e preso José Roberto Arruda. Agora o governador será citado pela Mesa Diretora para apresentar sua defesa.
A deputada Eliana Pedrosa (DEM) não compareceu para votar. O também amigo de Arruda, e ex-secretário de Esportes Aquinaldo de Jesus (PRB) preferiu não se expor e não apareceu. Wigberto Tartuce também não compareceu. Veja como foi:

Aguinaldo de Jesus (PRB) – Ausente

Alírio Neto (PPS) – SIM

Batista das Cooperativas (PRP) – SIM

Cabo Patrício (PT) – SIM

Chico Leite (PT) – SIM

Cristiano Araújo (PTB) – SIM

Dr. Charles (PTB) – SIM

Eliana Pedrosa (DEM) – Ausente

Erika Kokay (PT) – SIM

Jaqueline Roriz (PMN) – SIM

Milton Barbosa (PSDB) – SIM

Paulo Roriz (DEM) – SIM

Paulo Tadeu (PT) – SIM

Raad Massouh (DEM) – SIM

Raimundo Ribeiro (PSDB) – SIM

José Antônio Reguffe (PDT) – SIM

Ivelise Longhi (PMDB) – SIM

Joe Valle (PSB) – SIM

Olair Francisco (PTdoB) – SIM

Mário Gomes (PMN) – SIM

Robero Lucena (PMDB) – SIM

Wigberto Tartuce (PMDB) – Ausente

OBS: Duas vagas continuam abertas na Casa. A do deputado distrital Junior Brunelli (PSC) que está disponível para o democrata Geraldo Naves e a do distrital licenciado Wilson Lima (PR), que deveria ser ocupada por Pedro do Ovo (PRP).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui