0
4
Deu na Veja

Tudo o.k. para 2014?

Felipe Patury:

Há dez anos, o dono do grupo OK, Luiz Estevão, então senador pelo PMDB de Brasília, foi cassado por quebra de decoro parlamentar. Depois, chegou a ser preso duas vezes sob a acusação de desvio de verbas de uma obra pública. Agora, já atua nos bastidores da política brasiliense para voltar à vida pública. É um dos coordenadores extraoficiais das despesas da campanha de Joaquim Roriz (PSC) ao governo do Distrito Federal. Os amigos de Luiz Estevão dizem que ele cogita candidatar-se a um cargo eletivo em 2014.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui