Administrador do N. Bandeirante manda parar projeto social exitoso

0
4

Roosevelt

Roosevelt Vilela manda fechar clube que presta assistência social e promove atividades esportivas a preço popular no Núcleo Bandeirante.

Presidente da entidade disse não entender os motivos, pois fez várias sugestões para a manutenção das atividades, todas recusadas pelo administrador
A impressionante capacidade de alguns gestores públicos em acabar com projetos de sucesso que não são de sua autoria, uma lástima bem brasileira e que persiste enquanto não existir punição para esses atos, parece estar prestes a acontecer na cidade satélite mãe, o Núcleo Bandeirante.

Ofício assinado pelo administrador regional interino, Roosevelt Vilela, datado de 6 de fevereiro de 2015, manda que sejam finalizadas as atividades da ONG Servidores da Segurança Pública, que administra o parque comunitário do Núcleo Bandeirante, um verdadeiro e hoje bem cuidado clube social aberto à comunidade. O projeto, que funciona em parceria entre a RA e a ONG, ficando a RA apenas com as despesas de água e energia, desenvolve diversas atividades esportivas a custos baixíssimos, se considerados os valores de mercado. Além de promover parcerias com a regional de ensino local em atividades esportivas a custo zero para o governo, proporcionando prática de esportes como vôlei e futebol em quadras adequadas.

Recuperação de viciados em crack vai acabar

Dentre as ações sociais desenvolvidas e que serão extintas com a iniciativa do administrador do Núcleo Bandeirante, consta a concessão de bolsa integral pela ONG a entidades sociais que buscam recuperar viciados no uso de crack, que praticam natação como forma de melhorar a autoestima e da busca por uma vida saudável e longe da droga.

Justificativa do administrador regional não convence e nem deixa claro o seu interesse

Este blog ouviu o administrador da ONG e do clube, Luis Cláudio Torres, sobre o que teria motivado o administrador Roosevelt Vilela a determinar o fim de projeto exitoso e de imenso cunho social.

“Não entendi o que motivou o administrador nesta decisão. Estamos aqui há quatro anos e todas as vezes que verificamos, de nossa parte e por parte do administrador anterior, necessidade em promover mudanças no sentido de melhorar esta parceria de sucesso, atendemos a todas as sugestões e fomos nos adequando. Temos tudo isso, inclusive, documentado. Trabalhamos na maior transparência, temos nossos procedimentos e documentação aprovados por todos os órgãos fiscalizadores. Eu propus ao atual administrador que ele sugerisse as alterações que julgue necessárias, assim como fez o seu antecessor, para que nós nos adequássemos, mas ele não aceitou nenhuma das nossas argumentações. Então, sinceramente, não sei qual o real interesse dele nisso tudo. Não damos prejuízo, desenvolvemos um belo projeto social aqui, oferecemos atividades esportivas à comunidade à custos baixíssimos. Pegamos isso aqui destruído, reformamos com muito trabalho e seriedade. Enquanto as ruas do Núcleo Bandeirante estão esburacadas e cheias de lixo, aqui está tudo limpo com a grama aparada, piscinas aquecidas e churrasqueiras para uso de graça dos moradores. Onde está o erro?”

A velha máxima de “vender o sofá” para resolver o problema?!?

No mesmo ofício em que decreta o fim da parceria, o administrador Roosevelt Vilela alega, para justificar o seu ato, os elevados custos com energia e água. Ora, ao invés de buscar formas de redução de tais custos, o administrador considera mais viável acabar um projeto social amplo e de sucesso?

Este blog tomou conhecimento que outro ofício, também assinado pelo administrador Roosevelt Vilela e datado de 11 de março de 2015, determina a desocupação e devolução das instalações do clube no prazo máximo de 30 dias, a contar do dia 28 de março.

EM TEMPO: Como este blog tentou durante todo o dia contato com o administrador e a sua assessoria, e ambos atenderam e prometeram retorno que não aconteceu até o momento desta postagem, com a palavra, o administrador regional Roosevelt Vilela.

 

 

 

Fonte: Blog do Professor Chico

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui