ÁGUAS LINDAS DE GOIÁS: NOVO PREFEITO E PROBLEMAS CONTINUAM

1
5

O prefeito Geraldo Messias (PP) é um homem bom, mas cercou-se de alguns auxiliares inexperientes e outros totalmente incompetentes. Resultado: sua administração ainda não decolou. A Saúde está na UTI: faltam médicos, enfermeiros, dentistas, equipamentos, medicamentos e infraestrutura. As paradas de ônibus simplesmente não existem; buracos, poucas viaturas policiais, delegacia lotada e prédio precisando urgentemente de ampliação, falta de política pública de saneamento, de educação, e por aí vai. Em campanha, não faltaram promessas de um “novo tempo”. O governo do DF, principalmente na pessoa do vice-governador Paulo Octavio, em campanha prometeu mundos e fundos à futura administração de Geraldo Messias. O homem é bom, esforçado, mas precisa tomar as rédeas de sua própria administração. O secretário de Obras da cidade, Marcos Domingos, filho de Benedito, em seis meses conseguiu executar mais de duas mil pequenas obras, num esforço sobrenatural de tentar arrumar o que administração anterior deixou a desejar. Mas ainda há tempo de Geraldo Messias mostrar serviço e fazer um bom governo. Porém, parece que falta-lhe coragem para mandar, demitir, admitir e reagir. A principal obra na cidade é a duplicação da rodovia BR070, obra esta, federal. E para completar, o GDF suspendeu o convênio em que repassava R$1 milhão todos os meses para a secretaria de Saúde da cidade. A coisa não está boa e faltam idéias e profissionais para fazer o que o povo aguaslindense tanto sonha: uma cidade melhor para se viver.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui