Alunos do Ensino Médio de São José dos Campos criam projeto para debater problemáticas brasileiras e para simular o cotidiano de um deputado federal

0
23
Evento on-line tem como objetivo familiarizar estudantes de todo o Brasil com questões políticas e contribuir para a formação de cidadãos críticos e engajados

Com o objetivo de estimular o protagonismo do jovem em questões sociais, Briza Aiki, Bárbara Flôres e Stanley Chao – alunos do Ensino Médio de São José dos Campos (SP) – fundaram o projeto MultiNós Brasil, um debate on-line sobre as problemáticas nacionais, aberto aos estudantes de Ensino Fundamental e Médio de todo o País.

Inspirado nas simulações estudantis da Organização Mundial da Saúde (OMS), o evento visa a gerar uma experiência autêntica do cotidiano de um deputado federal, aproximando os participantes dos principais procedimentos políticos e ampliando a tomada de consciência de uma cidadania empática. Trata-se de um espaço de discussão, que tem o objetivo de apresentar novas ideias e de estimular o apoio ao bem-estar comum.

Em sua primeira edição, o MultiNós Brasil abordará as principais questões enfrentadas antes e durante a pandemia de Covid-19. O evento acontecerá por meio da plataforma Zoom, nos dois primeiros finais de semana de setembro (05 e 06/09 e 12 e 13/09) e os interessados podem fazer suas inscrições até o dia 16 de agosto, por meio do formulário http://forms.gle/cEWjoFoR1sPbDaLW6. A participação é gratuita aos estudantes de escolas públicas e bolsistas de escolas privadas. Para os demais estudantes, há uma contribuição simbólica de R﹩ 8,50, que auxiliará nos custos de produção.

Com o projeto, Briza Aiki, de 16 anos, aluna do Ensino Médio do Colégio Poliedro de São José dos Campos, busca democratizar os debates, fomentar o conhecimento sobre política e mostrar de que forma os problemas são conduzidos pelas autoridades brasileiras. “Queremos reforçar que a política não é ruim, mas pode ser aplicada de modo errado. Então, é importante aproximarmos os jovens dos procedimentos nacionais, para desconstruirmos os eventuais bloqueios diante deste assunto. Assim, também geramos oportunidades de desenvolvermos o senso crítico e a empatia, formando cidadãos mais atentos e responsáveis”, explica.

Empreendedorismo Social – Briza Aiki atua com outros projetos sociais, como o ElaSTEMpoder ( @ elastempoder ), que tem como objetivo estimular a presença e a liderança das mulheres nas áreas de ciência e tecnologia. Ela também foi diretora, por duas vezes, no comitê da Organização Internacional do Trabalho do evento PoliONU, uma das maiores simulações da Organização das Nações Unidas, na América Latina.

A jovem estudante desenvolveu a sua primeira startup aos 13 anos e foi a pessoa mais jovem a participar do programa ProLíder, uma iniciativa da Fundação Estudar que visa a estimular o empreendedorismo de impacto social. Ela também é destaque em olimpíadas científicas e, hoje, acumula um total de 36 medalhas em diversas competições.

Segundo Aiki, as simulações estudantis têm o poder de mudar a vida dos participantes e são fundamentais para o protagonismo e o engajamento em assuntos relevantes. “Depois de uma ampla pesquisa sobre cada um dos tópicos debatidos e da relação com outras pessoas, você sente um choque de realidade e pode observar com clareza todos os seus privilégios. Enxergar o mundo através de outras lógicas é o ponto de partida para entender que há muito para ser feito e que todos podemos colaborar, despertando o estudante para a ação”, conclui.

Orgulhosa da iniciativa dos alunos, a coordenadora do Ensino Médio do Colégio Poliedro São José dos Campos, Andrea Godinho, pontua a importância do evento para a formação desses jovens como indivíduos. “O MultiNós Brasil é uma experiência muito relevante para o desenvolvimento de repertório e de habilidades acadêmicas e socioemocionais, aprimorando o senso crítico, a colaboração e a sensibilidade. Acompanhar a criação de iniciativas como esta é um grande orgulho para todos nós, educadores. Nossos alunos comprovam que valores e ética são essenciais para a formação integral do jovem e que isso pode e deve ser incentivado no espaço escolar, demonstrando como o protagonismo tem o poder de transformar realidades”.

O Colégio Poliedro acredita que o papel da escola na formação dos alunos vai além do vestibular e da escolha profissional. Por meio da formação integral, a instituição incentiva o protagonismo do estudante e visa a criar um senso de responsabilidade apurado, assim como fomenta o perfil empreendedor, que permite ao jovem se transformar em cidadão ativo.

Sobre o MultiNós Brasil

Criado em maio de 2020, o MultiNós Brasil tem como objetivo democratizar o acesso ao debate e difundir o conhecimento sobre a política no Brasil. Fundado e organizado por alunos de Ensino Médio, o projeto visa a motivar mais jovens a serem protagonistas, bem como a entenderem os procedimentos para a tomada de decisões das maiores questões do país. Para mais informações, entre em contato com: multinosbrasil@gmail.com .

Sobre o Colégio Poliedro

Com sedes em São José dos Campos, São Paulo e Campinas, o Colégio Poliedro tem como objetivo formar e transformar jovens do Ensino Fundamental – Anos Iniciais e do Ensino Médio em cidadãos atuantes, protagonistas e conscientes de seu papel e de sua responsabilidade na sociedade.

Com aprendizado fundamentado na formação integral, respeitando a subjetividade e os objetivos de cada estudante, a instituição preza pelo pleno aprendizado, com suporte individualizado, que prepara a criança e o adolescente para os desafios do futuro.

A partir do processo de reinvenção contínua, o Colégio Poliedro investe progressivamente em ambientes estimulantes, inovações tecnológicas, metodologias comprovadas e num corpo docente capacitado para oferecer ao aluno uma formação completa e de qualidade.

Para saber mais a respeito do Colégio Poliedro, acesse: http://www.colegiopoliedro.com.br.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui