AMIGO ‘BARRA PESADA’: GERALDO NAVES NEGA VERSÃO DA DEFESA DE ARRUDA

0
20

 O deputado distrital Geraldo Naves (DEM) negou neste sábado a versão dos advogados de José Roberto Arruda (sem partido) para o bilhete que o governador do Distrito Federal teria enviado ao jornalista Edson Sombra, testemunha-chave do escândalo do chamado “Mensalão do DEM”, numa suposta tentativa de cooptá-lo. Os advogados Nélio Machado e José Gerardo Grossi, defensores de Arruda, confirmaram que o bilhete foi escrito pelo governador, mas disseram que o papel não tinha qualquer relação com o suborno à testemunha. “Não tem nada a ver com isso que se deseja veicular”, disse Machado, sugerindo que o manuscrito teria sido indevidamente extraviado do gabinete de Arruda. Foi o próprio Geraldo Naves, aliado do governador e responsável por entregar o papel a Sombra, quem desconstruiu a versão da defesa. Ele afirmou ter recebido o bilhete de Arruda com a incumbência de levá-lo para a testemunha. “A verdade é que eu peguei da mão do governador”, disse ele, em entrevista à TV Globo. O bilhete seria uma maneira de provar a Sombra que Arruda estaria disposto a fazer um acordo. No bilhete, o governador escreveu, em seis tópicos numerados, frases soltas como “gosto dele” e “quero ajuda”. Por último, há a inscrição “GDF ok”, que seria uma referência à ajuda que Sombra poderia receber do governo do Distrito Federal caso aceitasse a proposta dos emissários do governador.

Fonte: iG

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui