ARRUDA APELA AO TSE PARA NÃO SER EXPULSO DO DEM

0
7

O governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, apresentou nesta quarta-feira um mandado de segurança com pedido de liminar no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para “a imediata suspensão” do processo aberto pelo Democratas que poderá resultar em sua expulsão do partido.
A ação acontece às vésperas da reunião da executiva nacional do DEM, que deve anunciar até sexta-feira o resultado do processo contra o governador.
O partido havia marcado o julgamento do caso para quinta-feira, mas pode ser levada a adiar o prazo por algumas horas, já que Arruda tem até as 18h de quinta-feira para apresentar sua defesa.
O governador é acusado de receber propina e de montar um esquema junto a políticos e autoridades de sua base aliada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui