AS 15 DESCOBERTAS DO FABULOSO ESQUEMA DE ARRUDA

0
8

Deu no iG: O que a Polícia Federal e o Ministério Público descobriram até agora no escândalo do DF, de acordo com as denúncias feitas por Durval Barbosa, ex-secretário de Relações Institucionais do governo do Distrito Federal:
1 – O governador do DF, José Roberto Arruda, teria montado uma estrutura para arrecadar dinheiro de empresas fornecedoras do seu governo
2 – A estrutura teria sido concebida pelo próprio Arruda através de uma planilha
3 – A base do esquema estaria concentrada nas secretarias de educação e saúde e em contratos de serviço de informática do governo
4 – Durval Barbosa seria um dos principais arrecadadores do esquema, indicado pela função pelo próprio Arruda
5 – O gabinete de Durval teria se transformado num caixa de banco, procurado por diversas pessoas em busca de dinheiro vivo
6 – Esta estrutura de corrupção beneficiaria assessores diretos do governador, deputados distritais e outros aliados
7 – O governador José Roberto Arruda seria o maior beneficiário do esquema. Ele nega.
8 – O vice-governador Paulo Octávio foi citado como outro beneficiário do esquema. Ele nega.
9 – Oito secretários ou presidentes de órgãos do governo foram citados como beneficiários do esquema. A maioria foi exonerada.
10 – Nove deputados distritais ou ex-deputados foram citados como beneficiários do esquema
11 – Os parlamentares são acusados de receber dinheiro em troca de sustentação política
12 – O próprio presidente da Câmara seria beneficiário do esquema
13 – Pelo menos um conselheiro do Tribunal de Contas do DF, encarregado de aferir a boa aplicação dos recursos públicos, estaria envolvido no esquema
14 – Até a entidade filantrópica da mulher do governador foi apontada como beneficiária do esquema
15 – Pela primeira vez na história, o grosso das denúncias se baseia de filmagens que mostram autoridades de Brasília e o próprio Arruda manuseando ou recebendo dinheiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui