Aylton, Benedito e Rôney são réus no processo do mensalão do DEM, decide TJ

0
12
Por ampla maioria, o Conselho Especial do TJDFT decidiu acatar a denúncia contra os três por crimes de lavagem de dinheiro e corrupção passiva. O julgamento corre em segredo de justiça

 

Almiro Marcos

 

Deputados Aylton Gomes (esquerda), Benedito Domingos (centro) e Rôney Nemer (direita) responderão ao processo (Adauto Cruz, Ed Alves e Breno Fortes/CB/D.A Press  )
Deputados Aylton Gomes (esquerda), Benedito Domingos (centro) e Rôney Nemer (direita) responderão ao processo

Os deputados Aylton Gomes (PR), Benedito Domingos (PP) e Rôney Nemer (PMDB) se tornaram réus no processo criminal do escândalo conhecido como Mensalão do DEM. Por ampla maioria, o Conselho Especial do Tribunal de Justiça do DF e dos Territórios (TJDFT) decidiu acatar nesta terça-feira (3/12) a denúncia contra os três por crimes de lavagem de dinheiro e corrupção passiva (Aylton Gomes responderá por concurso material impróprio, que é um instrumento judicial que considera a soma cumulativa de todas as penas). O julgamento acabou no início da noite e corre em segredo de justiça.

Quatro anos depois do episódio, o trio é o primeiro a se tornar réu na esfera criminal. Os parlamentares são acusados de terem recebido dinheiro do governo para apoiar o Executivo. O esquema teria funcionado entre 2007 e 2009 e foi denunciado pelo policial civil aposentado Durval Barbosa, um dos responsáveis por fazer o pagamento aos deputados.

Fonte: Correio Braziliense

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui