BOICOTE AOS PREÇOS DOS COMBUSTÍVEIS NO DF

16
8

COMUNICADO:

Gasolina a R$3,19 e álcool a R$2,59 faz parte de uma escalda desgovernada dos preços praticados no DF desde o início deste ano até aqui. A população não suporta mais pagar um combustível tão caro e com ameaça de novos reajustes nos próximos dias. Para por fim a essa prática vergonhosa, a sociedade precisa reagir e mostrar que não quer mais ser explorada pela ganância de uns poucos empresários do setor de combustíveis, que detêm o monopólio dos preços nas mãos.

Para dar um ponta pé inicia em grande estilo, uma manifestação foi organizada para protestar contra os altos preços praticados nos combustíveis no Distrito Federal. As atividades têm início nesta segunda-feira (2/5). A concentração será no posto da 113 Sul, as 17 h, de onde o grupo sairá para começar o protesto. Cerca de 100 carros estão previstos para participar da manifestação que tem como slogan CHEGA DE CARTEL NO DF. Cada motorista vai abastecer R$1,00 de gasolina e pedir nota fiscal. A meta da organização do evento é passar e abastecer em todos os postos do Eixinho W na noite desta segunda-feira.

O deputado Chico Vigilante (PT), líder do Bloco PT/PRB, apoia a manifestação conduzida por entidades sindicalistas e membros da sociedade civil. “Nós pretendemos promover um grande clamor social. Essa será a primeira de uma série de atividades que realizaremos nos próximos dias. Nós vamos fazer um boicote porque não suportamos mais ser vítimas de uma cartelização escancarada, refletida nos altíssimos preços da gasolina e do etanol cobrados nos postos de abastecimento aqui do DF”, afirma Vigilante.

Para o parlamentar, a prática envergonha ainda mais os moradores de Brasília já cansados de tantos escândalos de corrupção. “Cartel é crime. É também um tipo de corrupção e dos mais graves. Nós só estamos reivindicando o nosso direito de pagar um preço justo pelo combustível comercializado aqui no DF. Só isso”, diz Vigilante, que apresentou representação ao Ministério Público do DF para que investigue a cadeia dos combustíveis no DF no mês de março deste ano.

O parlamentar também solicitou à presidente da República Dilma Rousseff, ao ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, ao presidente da ANP, Haroldo Lima, ao secretário da Secretaria de Direito Econômico, Vinicius Marques que investiguem o cartel dos preços dos combustíveis no DF. Além da presença da Polícia Federal nas investigações.

A manifestação tem início às 17 h 30. A concentração está marcada para as 17 h. Traga seu carro e sua consciência. Vamos dizer não à ganância e a falta de respeito com o consumidor por parte dos empresários do setor de combustíveis no DF.

Mais informações:

Idalina de Castro

Assessora do deputado Chico Vigilante (PT)

9649-0880

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui