Cansado de ser perseguido, Bolsonaro decide processar Moraes por abuso de autoridade

0
28

Não é de hoje que o  presidente Jair Bolsonaro (PL) têm sido um dos alvos favoritos de Alexandre de Moraes.

E  Bolsonaro chegou ao limite da tolerância e acionou o STF (Supremo Tribunal Federal) nesta segunda-feira (16/5)  contra o ministro da Corte Alexandre de Moraes por abuso de autoridade.

Tendo, ao todo, 18 páginas, o texto é escrito em primeira pessoa e contextualiza providências recentes da corte contra o que chamou de seu “direito fundamental da liberdade de pensamento, que é perfeitamente compatível com o cargo de presidente da República e com o debate político”.

De acordo com a ação, “alguns ministros do Supremo Tribunal Federal têm flertado com escolhas inconstitucionais” e que não vê “qualquer sinal de autocontenção e, pior, não identifica qualquer mecanismo constitucional que delimite os poderes e eventuais excessos da Suprema Corte”.

No documento, o chefe do Executivo alega que Moraes teria realizado “sucessivos ataques à democracia, desrespeito à Constituição e desprezo aos direitos e garantias fundamentais”.

A notícia-crime foi encaminhada ao presidente do Supremo, ministro Luiz Fux.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui