Cerveja Odebrecht

0
7

 

A Odebrecht é dona da Itaipava?

Essa é a pergunta que a Lava Jato está tentando responder.

Desde que foi divulgada a planilha de Benedicto Barbosa, diversos políticos apresentaram recibos de doações oficiais em nome das empresas Leyroz de Caxias ou Praiamar para demonstrar que o dinheiro da Odebrecht foi declarado ao TSE.

Aécio Neves e Aloizio Mercadante, por exemplo, fizeram isso.

s foram reveladas, nesta quarta, políticos citados nas listas de beneficiários de recursos vêm negando ter recebido recursos de forma irregular. Ao justificar as doações da Odebrecht, alguns apresentaram recibos de doações oficiais em nome das empresas Leyroz de Caxias ou Praiamar. Agiram assim, por exemplo, o presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves (MG), e o ministro da Educação, Aloizio Mercadante (PT).

Mas a Leyroz de Caxias e a Praiamar não são ligadas à Odebrecht, e sim ao grupo Petrópolis, da cervejaria Itaipava.

O Estadão informa que, “numa das planilhas da empreiteira, a palavra ‘Itaipava’ está anotada à mão ao lado de uma doação que indica um repasse de R$ 500 mil para Luís Fernando Pezão. Essa mesma doação para Pezão está relacionada, no topo da coluna dos valores, a um certo “Parceito IT” (sic) – indício de “parceria” entre a Odebrecht e a Itaipava no financiamento eleitoral”.

 

 

Fonte: O Antagonista

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui