Chico Vigilante afirma que índices de reajustes da CEB em 2015 e 2016 são maiores que inflação

0
7

A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) autorizou a CEB a reajustar as tarifas de energia elétrica com percentuais muito acima da inflação. Este é o terceiro reajuste de tarifas de luz desde 2015 que somam quase 45% na conta do consumidor residencial. No mesmo período, o índice inflacionário (IPCA) medido pelo IBGE somou 16,18%. As novas tarifas valem a partir de 22 de outubro.

Para o deputado Chico Vigilante (PT), este novo aumento na conta elétrica dos brasilienses é um absurdo. “Estão metendo a mão no bolso da gente. É um escárnio, um verdadeiro roubo que estão praticando contra a população usuário dos serviços de energia elétrica no Distrito Federal”, critica o parlamentar.

O anúncio vem após a realização de audiência pública que discutiu a proposta da quarta revisão tarifária periódica da empresa. De acordo com a atualização, os consumidores residenciais terão reajuste de 4,62% e as indústrias e grandes comércios terão 1,04% de aumento.

O parlamentar avalia que a atuação das agências reguladoras nos reajustes das tarifas de serviços públicos. Para Chico Vigilante, as agências são uma mazela herdada dos governos FHC. “Na verdade, a agência reguladora retira o poder de quem tem o voto para ajudar a população, como os governadores e prefeitos. As agências reguladoras foram criadas com o objetivo do Governo FHC de privatizar todas as empresas estatais”, destaca o parlamentar.

Deputado CHICO VIGILANTE, PT-DF

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui