Crianças e jovens de Brazlândia ganham almoço e dia de festa

0
23

 

Com cardápio assinado pela chef Di Oliveira e a presença do vice-governador e sua família, garotada do Lar de Eurípedes, no Incra 6, também ganhou brinquedos e guloseimas

 

Lívio di Araújo

 

Música, brincadeiras, guloseimas e um almoço feito pela renomada chef Di Oliveira – do Brasis Ateliê Gastronômico. As 36 crianças e adolescentes da Casa do Caminho Lar de Eurípedes, no Incra 6, em Brazlândia, ganharam uma sexta-feira (18) bem animada. A ação faz parte da campanha Nosso Natal 2020, do Governo do Distrito Federal (GDF), e foi acompanhada pelo vice-governador Paco Britto, sua esposa, Ana Paula Hoff, e seus três filhos: Catharina, Cristiano e Flávio.

Logo cedo, a equipe da chef Di Oliveira já preparava tudo na cozinha para o cardápio especial pensado por ela: salada, chester, pernil, arroz colorido, farofa, tutu de feijão, mousse de manga e rabanada. Enquanto o cheiro tomava conta da Casa do Caminho, os moradores do Lar de Eurípedes apresentavam músicas que prepararam, especialmente, para receber a família do vice-governador. “Ficamos muito emocionados. Já conhecia o trabalho que é desenvolvido aqui e quero estar cada vez mais próxima, contribuindo e devolvendo todo esse carinho”, disse Ana Paula Hoff.

Crianças de zero a 17 anos e 11 meses, com problemas familiares que vão desde maus tratos até a casos mais sérios, como estupros, moram no Lar de Eurípedes, que tem Joaquim Levino como coordenador-geral do local. “Aqui elas são acolhidas, estudam, se alimentam, dormem, moram, até que possam ser reintegradas às famílias”, explicou. Alguns, porém, acabam tendo autorização judicial para serem adotados.

Com o trabalho das mães sociais, contudo, o lar de Eurípedes faz jus ao nome e se tornou a residência quase oficial dessas crianças e adolescentes. De acordo com a coordenadora de projetos do local, Luciana Freitas, o convívio entre todos faz com que os vínculos afetivos sejam cada vez mais fortes. “Desenvolvemos diversas atividades, temos pedagogas trabalhando com eles para reforçar os estudos, que devido à pandemia, tiveram que ser feitos em casa, enfim, é um dia a dia de uma casa normal”, explicou.

Entre balões, algodão doce e muitos brinquedos – que foram doados e se transformaram em presentes -, a garotada se divertiu e, claro, se deliciou com o almoço especial do dia de festa. “Este projeto do GDF que tirou a gente dos restaurantes para vir pra cá, cozinhar para eles, é maravilhoso. Quem está ganhando o presente somos nós, que estamos tendo essa oportunidade”, disse a chef Di Oliveira. “Agradeço a Deus por estar aqui e parabenizo a todos que cuidam tão bem dessas crianças como dos filhos de vocês. Emocionado por ver uma instituição tão bonita”, afirmou o vice-governador, que juntamente com a família, colocou avental e foi para a cozinha ajudar a finalizar os pratos.

No final, as crianças receberam, ainda, kits com máscaras, álcool em gel, sabonete e creme dental. Durante todo o evento, o uso de máscaras foi respeitado e também seguido todo o protocolo de segurança. O distanciamento social também foi mantido e, em nenhum momento, houve aproximação com menos de dois metros entre as equipes e os moradores do Lar de Eurípedes.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui