Damares aponta fake news esquerdista que justificou a compra de móveis de luxo para Lula e Janja

Ao chegar ao poder, o governo Lula anunciou aos quatro ventos que o casal Jair e Michelle Bolsonaro havia sumido com os móveis do Palácio do Alvorada. Com essa narrativa, o governo esquerdista-comunista comprou móveis de luxo para deleite do casal petista que adora luxo. A Presidência comprou 11 móveis de luxo com dispensa de licitação, por R$ 379 mil.

Entretanto, agora a verdade apareceu. Os 261 móveis ‘desaparecidos’ nunca sumiram, mas sim, estavam devidamente guardados em um depósito do próprio governo federal.

Desde o início Michelle avisou onde estavam os móveis, mas Lula e Janja a ignoraram, pois queriam comprar tudo novo e de luxo, por isso criaram a tal narrativa do ‘sumiço’…

“Será que as mentiras espalhadas na imprensa e nas redes sociais sobre o sumiço dos móveis do Alvorada também vão entrar para o inquérito das fake news, ou ele só vale para perseguir a direita?”, questiona a senadora Damares Alves.

Assista:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui