Operação Shaolin – LAERTE BESSA GARANTE: “AGNELO ESTÁ INDICIADO”

O candidato do PT ao governo do Distrito Federal, o ex-militante do PCdoB e ex-ministro de Lula, Agnelo Queiroz, está indiciado no inquérito da Operação Shaolin da Polícia Civil do DF, que investiga desvio de recursos públicos federais do programa Segundo Tempo, administrado pelo Ministério do Esporte.

A acusação é do deputado federal e ex-diretor da Polícia Civil do DF, Laerte Bessa (PSC). O parlamentar que busca a reeleição refutou acusações do ex-ministro contra o trabalho da Polícia Civil.

Bessa afirmou que “o policial só indicia alguém pela prática de um, crime se tiver absoluta certeza”, e “Agnelo está indiciado”.

Na próxima semana, Bessa tentará ser recebido pelo procurador-geral da República, Roberto Gurgel para tratar do assunto. Ele quer saber como está o andamento do processo da Operação Shaolin. “Três meses já se passaram e ainda não se sabe como está esta investigação”, afirmou o ex-diretor da Polícia Civil.

Também quer saber em que fase está: denúncia ou de instrução criminal. Ele pediu audiência ao procurador-geral em nome da Comissão de Segurança da Câmara dos Deputados.

Nos últimos anos, o PT se utiliza da prática de investigar tudo de todos os outros, mas quanto aos seus próprios escândalos e interesses políticos, simplesmente a coisa anda a passos de tartaruga. Quer mais um exemplo? – E o Mensalão do PT, que indiciou 40 pessoas (muitas delas ligadíssimas ao PT) e que se encontra adormecido no STF?

Da redação com informações do DF Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui