DEM BUSCA RUMO

3
8

O DEM se reúne nesta manhã em Águas Claras para definir os papéis de cada um. Os atritos são muitos, os ataques pessoais crescem e a disputa por projeção dentro do partido se tornou insuportável. Afinal, é muito cacique para pouco índio! Eliana Pedrosa, Adelmir Santana e Alberto Fraga, travam forças quase que publicamente. E Paulo Octávio tenta se defender de acusações e procura costurar um grande acordo político dentro do partido. Existem muitas situações que exigirão união e inteligência dos democratas sobreviventes. Arruda sabe disso, mas parece que P.O. ainda não captou a mensagem. Não basta o DEM estar no governo. É preciso saber estar no governo e evitar o surgimento de novos problemas. Ao lutar pelo poder, alguns estão cometendo graves erros, que pdoerão ser usados lá na frente, e enterrar grandes pretensões políticas. O DEM perdeu o rumo. Seu capitão, PO, parece perdido em meio ao tiroteio, e seus marinheiros refletem algumas situações interessantes: uns querem pular do barco; outros querem pular mas não sabem nadar; outros querem assumir o posto de capitão; e há aqueles que estão vendo o barco afundar mas nada fazem para tirar a água do convés; e existem aqueles outros que desejam recuperar o barco e seguir em frente, com a tripulação intacta. A reunião do DEM nesta manhã, será regada à muitas discussões, provocações, incertezas e troca de amabilidades. Mas tem seu lado positivo: nada melhor que uma crise para reagrupar um partido. Lembram-se do PT, do PMDB e do PTB? Passaram por graves crises mas resolveram seus problemas lavando suas roupas sujas em casa. Para a política local, não é interessante o DEM ficar de fora. Basta escolher os nomes certos para os devidos lugares que deseja chegar. E o mesmo ocorre com o PMDB-DF: perdeu o rumo e busca se encontrar novamente. E por último, falta ao presidente do DEM-DF, o vice-governador Paulo Octávio, saber ouvir as pessoas, e decidir não olhando para sí, mas para a coletividade. O DEM busca seu rumo. Saberá encontrá-lo?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui