DEMÓSTENES TORRES CHAMA AGNELO PARA EXPLICAR A DOAÇÃO DE R$ 300 MIL NO SENADO

5
22

Senador Demóstenes Torres

O senador Demóstenes Torres apresentou requerimento na comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle, para que o Sr. Governador do Distrito Federal Agnelo dos Santos Queiros filho explique a doação de recursos à sua campanha eleitoral de 2010 pela M Brasil.
Na Justificação o senador informa que no dia 14 de dezembro de 2009 foi publicada no Diário Oficial da União uma decisão onde Agnelo, então diretor da Diretoria Colegiada da Anvisa, concedeu  sozinho a “Renovação de Autorização Especial para Empresa de Medicamentos” à Baremboim e Cia Ltda que atuava no comércio atacado e varejo de medicamentos, o que é vedado por Resolução da própria Anvisa.
Assim que Agnelo deixou o cargo, a Barenboim requereu novamente a renovação da autorização que o hoje governador havia concedido e, a Anvisa negou, sob o argumento de que desde 2008 a prática estava proibida.
Após a publicação da Revista Época, entendeu o Senador que se a renovação da autorização já estava proibida desde 2008,  Agnelo autorizou em 2009 e a Anvisa com nova diretoria, negou em 2010, algo deve ser explicado.
Será que a doação feita à campanha eleitoral do candidato Agnelo foi uma retribuição à renovação da autorização que não poderia ter sido concedida?

Fonte: Blog do Sombra

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui