Desembargadores mantêm condenação de Liliane Roriz, mas julgamento não é encerrado

0
6

CB.Poder

No mesmo dia em que acionou uma bomba na política do Distrito Federal, a distrital Liliane Roriz (PTB) foi julgada pela 5ª Turma Cível do DF. A parlamentar e familiares foram condenados em julho do ano passado por improbidade administrativa. Segundo a denúncia, o então governador Roriz teria facilitado um empréstimo do BRB à construtora WRJ Engenharia, em troca de 12 apartamentos para a família em um edifício em Águas Claras. Nesta quarta-feira, dois dos três desembargadores da 5ª Turma Cível votaram pela manutenção da condenação. Mas ainda não houve um desfecho para o caso porque, como a decisão não foi unânime, será preciso convocar mais dois desembargadores para votarem no processo.  Se houver pelo menos mais um voto contra Liliane, a distrital ficará enquadrada na Lei da Ficha Limpa como inelegível.

(Com informações de Camila Costa)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui