“Ele que responda pelos atos deles”, afirma Bolsonaro sobre ex-ministro da Educação

0
15

O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou nesta terça-feira, 22, que a Polícia Federal teve “um motivo” para prender hoje cedo o ex-ministro Milton Ribeiro, da Educação, no âmbito da investigação “Acesso Pago” sobre o ‘gabinete paralelo’ instalado na pasta. “Ele que responda pelos atos deles”, disse. “Se a PF prendeu, tem um motivo”.

A PF prendeu preventivamente o ex-ministro da Educação Milton Ribeiro e também cumpriu mandados de busca e apreensão em endereços dos pastores Arilton Moura e Gilmar Santos. Eles apontados como lobistas que atuavam no MEC, quando a pasta era comandada por Ribeiro.

Os pastores negociavam com prefeitos a liberação de recursos federais – mesmo sem ter cargo no governo.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui