ELEIÇÕES 2010: A ÍNTEGRA DA CARTA DO GOVERNADOR ROGÉRIO ROSSO AO PRESIDENTE DO PMDB-DF, TADEU FILIPPELLI

1
5

Ao PMDB-DF

Ao Presidente Regional

Deputado Federal Tadeu Filippelli

A par de cumprimentá-lo, venho através desta submeter à estimada apreciação do partido o meu nome e o de Ivelise Longhi para a chapa majoritária nos cargos de Governador e Vice-Governadora para as próximas eleições.

Minha decisão leva em consideração a minha forte convicção da importância, relevância e legitimidade do PMDB, o maior partido do Brasil, em apresentar à população do Distrito Federal suas propostas, seus projetos, seus ideais.

Entendo que o PMDB do DF tem excelentes nomes que podem cumprir esta missão, inclusive o de Vossa Excelência, dirigente maior do nosso partido no Distrito Federal. A polarização que se percebe entre as tradicionais forças políticas do Distrito Federal não traduz, na minha opinião, os anseios da nossa sociedade.

Durante os entendimentos que permearam o processo de eleição indireta no DF existia a esperança, um norte, respaldado na articulação de Vossa Excelência com outros partidos e lideranças políticas do DF, da formação de um novo pensamento, uma nova opção para o Distrito Federal.

Tenho consciência das dificuldades e desafios que ainda temos pela frente. Eu, Ivelise e tantos servidores públicos, lideranças políticas, instituições e, acima de qualquer coisa, a população do DF, estamos nos empenhando ao máximo em manter a normalidade institucional e a boa prestação dos serviços públicos que a sociedade almeja.

Nesses quase dois meses de governo, tomamos diversas medidas visando à continuidade das ações, obras, serviços essenciais e inúmeras medidas visando à transparência, à proteção ao Erário e à mais irrestrita colaboração com os órgãos de fiscalização e controle. Já que o PMDB foi escolhido para essa missão, entendo que podemos e devemos continuar enfrentando, não de forma coadjuvante, mas liderando e assumindo nossas responsabilidades.

Ao mesmo tempo, sou consciente que Vossa Excelência tem buscado, dentro de suas convicções, um bom caminho para o DF. Estou na esperança de que a aliança nacional PMDB-PT, com a Dilma e o Temer, possa sair vitoriosa e dar continuidade, até mesmo aprimorar o fabuloso trabalho, o legado deixado pelo presidente Lula.

O momento não é de enfrentamento, mas de entendimentos e de espírito coletivo. Tenho respeito à história do PT-DF e amizades verdadeiras. Não se trata de ser contra pessoa, mas sim o desejo de ampliar os debates e o aprofundamento dos temas fundamentais para o crescimento econômico e social do Distrito Federal e de seu Entorno.

Que seja feita a vontade de Deus e de nossos convencionais. Qualquer que seja a decisão, vou respeitar e cumprir e Continuarei a dar tudo o que posso para atender às demandas da população do Distrito Federal.

Atenciosamente,

Rogério Rosso

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui