EX-DISTRITAL E ATUAL PREFEITO DE ÁGUA FRIA DE GOIÁS, JOÃO DE DEUS, RECEBE TÍTULO DE CIDADÃO HONORÁRIO DE BRASÍLIA

2
40

Ex-distrital e atual prefeito de Água Fria-GO, João de Deus, recebe título de Cidadão Honorário de Brasília João de Deus (C) recebeu o diploma do título de cidadão brasiliense: entre amigos (Foto: Rinaldo Morelli/CLDF)

O alagoano João de Deus Silva Carvalho, mais conhecido como João de Deus, 2º sargento da Polícia Militar do DF, presidente da Associação dos Praças Policiais Militares do DF desde 1992, distrital por três mandatos e atual prefeito de Água Fria de Goiás, recebeu hoje (14) o título de Cidadão Honorário de Brasília por iniciativa da deputada Eliana Pedrosa (DEM), que abriu a sessão e depois transferiu a condução dos trabalhos ao deputado Geraldo Naves (sem partido).

Eliana Pedrosa enalteceu a energia, a coragem e a disposição para a luta do homenageado, segundo ela, “o grande mestre de cerimônias” da Casa na sua temporada como parlamentar e com o qual “a cidade tem uma grande dívida”. A deputada disse que o título que lhe foi concedido era mais do que justo e que ele continua a trabalhar para “que as pessoas se sintam mais gente”.

Geraldo Naves também assinalou o lado humano do prefeito João de Deus que é, para ele, “como um irmão”, depois de uma “inimizade mortal de mais de três anos”, sem nenhuma razão concreta, mas que acabou sendo desfeita por um telefonema dado por iniciativa de Naves.

Também o deputado Roney Nemer (PMDB) compareceu para homenagear João de Deus, referindo-se à sua habitual irreverência como elemento de descontração e não de irresponsabilidade. Para Nemer, o homenageado é “bom pai, bom marido, bom irmão” e tem na família o seu grande trunfo.

Manoel de Andrade, também ex-distrital e hoje vice-presidente do Tribunal de Contas do DF, lembrou episódios da vida parlamentar de ambos e do diretor-geral da Polícia Civil do DF, Pedro Cardoso, referiu-se às virtudes cívicas de João de Deus e a seu incansável trabalho em prol da categoria que o elegeu.

Em seu agradecimento, o prefeito João de Deus expressou sua satisfação de retornar à tribuna que ocupou por tantas vezes e foi taxativo: tudo o que tem ele construiu na PM. Ex-sargento expulso da PM por defender a família policial militar em 1994, foi reintegrado em 1998 pelo então governador Cristovam Buarque, já no exercício do mandato parlamentar que exerceu por três vezes. Na Câmara, foi por duas vezes presidente da Comissão de Constituição e Justiça; presidente da CEOF; líder do PDT, partido pelo qual se elegeu; terceiro secretário e corregedor, antes de chegar à prefeitura de Água Fria de Goiás.

A sessão solene foi realizada no dia em que João de Deus completa 56 anos. Teve a participação da banda da Polícia Militar, que executou o hino nacional, e de um grupo que executou “Riacho do Navio”, música de Luiz Gonzaga, cantada por João de Deus.

Testemunho – Em vídeo de 33 minutos, mais de 40 pessoas – entre familiares, amigos e autoridades – deram seu testemunho sobre as qualidades do homenageado, que destacaram suas qualidades humanas, suas virtudes pessoais e, sobretudo, sua honestidade. Entre os que se manifestaram estão Eliana Pedrosa (DEM), Geraldo Naves (sem partido), Roriz, Alberto Fraga, Alírio Neto (PPS), Sílvio Linhares, Wilson Lima (PR), Cristiano Araújo (PTB), Chico Leite (PT) e Benício Tavares (PMDB), entre outros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui