Ex-usuários de drogas em recuperação ajudam no cultivo de plantas medicinais

0
7
 
 
 Internos cuidam de vegetais que servirão para toda a sociedade
 
 
 
Uma parceria entre o Centro de Referência em Práticas Integrativas em Saúde (Cerpis) de Planaltina e Centro de Reintegração Deus Proverá, que atua na recuperação de usuários de drogas, promove a participação dos internos no cultivo de plantas medicinais que servirão para toda a sociedade.
“Graças à contribuição do centro de reintegração, foi possível manter a produção das plantas medicinais e o atendimento à comunidade”, disse hoje o gerente do Cerpis, Marcos Freire.
Os internos trabalham no Cerpis duas vezes por semana, quando cuidam dos canteiros de plantas medicinais utilizadas para tratamentos e distribuídas gratuitamente para a população, além de realizarem outros serviços, como o nivelamento do piso das tendas onde são realizadas as oficinas.
“E, na medida do possível, o Cerpis presta atendimento aos internos, como oferecimento de práticas de tai chi chuan inclusive com a formação de multiplicadores entre eles”, informou Francisco Ramalho, diretor do centro de reintegração e integrante do Conselho de Politicas sobre Drogas do DF.
Os ex-dependentes também têm a oportunidade de aprender sobre as plantas medicinais e como utilizá-las, lidam com a terra e exercem uma função social que ajuda em sua reintegração.
“Adoro cuidar das plantas, e aprendemos muito sobre os benefícios delas. Fico torcendo para que chegue logo o dia de trabalhar no centro”, disse o interno José Alves de Souza.
“Sair um pouco e manter contato com a natureza me traz muita paz”, completou Valmir Pereira, internado há nove meses.
O serviço prestado pelos internos também é aprovado pelos servidores da Secretaria de Saúde: “É muito bom tê-los por perto nos ajudando”, finalizou a técnica de enfermagem Rosângela Silva.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui