A Fera ferida e o doador

0
6

Nos corredores da Câmara Legislativa do Distrito Federal, corre a informação (ou boato) de que nesta quinta-feira (15), minutos antes do início do processo eleitoral que irá escolher os novos integrantes da Mesa Diretora, a deputada Celina Leão (PPS) vai receber uma carta com um pedido para que a mesma seja lida em plenário.

A tal carta teria sido escrita pelo maior doador da campanha de Rodrigo Rollemberg (PSB) em 2014, e seguirá  com  documentos que, de acordo com informações, comprovariam  como de fato aconteceu a eleição para o governo do Distrito Federal.

A ideia é constranger o governador e seus aliados e tentar mudar votos na eleição da Mesa Diretora. Celina Leão foi eleita presidente com total apoio do governador Rollemberg em 2015. Tão logo assumiu a presidência da CLDF, passou a atacar ferozmente seu mentor de olho no Buriti em 2018.

Celina virou opositora ferrenha do governo do PSB, e a Justiça a catapultou do cargo de presidente da Câmara Legislativa junto com os demais membros da então Mesa Diretora. Ela tentou voltar ao comando do Legislativo  mas não conseguiu. E ainda corre o sério risco de perder o mandato.

Celina e seu grupo tentam protagonizar o último ato: derrotar o candidato apoiado por Rollemberg na disputa pela presidência da CLDF. Mas não será uma tarefa fácil. Políticos experientes ouvidos pelo Blog, afirmaram que será um tarefa suicida para ela, seu grupo e seus novos aliados. Estão contaminados pelas denúncias da Operação Drácon.

Haja Lexotan nesta quinta-feira.

 

 

Fonte: Donny Silva

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui