FILHOS DE ERENICE FICAM CALADOS EM DEPOIMENTO NA POLÍCIA FEDERAL

0
11

Jailton de Carvalho, O Globo

 

Os filhos da ex-ministra da Casa Civil Erenice Guerra, Israel e Saulo Guerra, foram até a Superintendência da Polícia Federal de Brasília nesta terça-feira para prestar depoimento sobre o suposto esquema de tráfico de influência no governo.

Mas os dois decidiram fazer o uso do direito de permanecer calados. Para Marcelo Leal, um dos advogados dos dois irmãos, Israel e Saulo não cometeram os crimes ou irregularidades que estão sendo apontadas contra eles.

– Nós entendemos que os fatos ainda não estão devidamente delineados. Entendemos que existe um forte componente político nisso tudo, mas meus clientes são absolutamente inocentes. E temos certeza que será provado no final do processo – disse o advogado.

Israel e Saulo são acusados de tráfico de influência no governo. Israel é acusado de usar a empresa Capital Consultoria para intermediar negócios entre a empresa privada e o governo. Ele teria sido contratado para ajudar a Master Top Airlines (MTA) a obter uma licença na Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), e com isso facilitar a renovação de um contrato de quase R$ 60 milhões entre a empresa e os Correios.

Israel também teria negociado contrato para interferir na liberação de empréstimo de R$ 9 milhões do BNDES para a RDB. Segundo o banco, empréstimo não foi liberado.

Leia mais em Filhos de Erenice ficam calados em depoimento na Polícia Federal

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui