Gestantes podem optar pela técnica que reduz a dor

0
37

hipnoterapia

Gestantes atendidas no Hospital Materno Infantil de Brasília (HMIB) já podem o optar pela utilização de técnicas de hipnose para induzir ao relaxamento profundo durante o parto e conduzir o nascimento do bebê sem traumas. 

A hipnoterapia do parto, como é conhecida, usa o poder da sugestão com o objetivo de atenuar o medo e habilitar a mulher a confiar mais na capacidade natural do corpo em dar a luz, de forma a controlar o nascimento com os seus próprios recursos e aumentar a sensação de bem estar.

“É natural que a mãe sinta temor e ansiedade em relação à segurança e saúde do bebê. Esses pensamentos e a expectativa da dor são fatores que tencionam os músculos por causa do aumento da adrenalina, o que dificulta o nascimento. A hipnose pode ajudar estimulando e induzindo a produção da endorfina que é um analgésico natural”, explica a enfermeira obstetra, Lissandra Martins.

As sessões são feitas durante o trabalho de parto e consistem na diminuição da tensão a partir de respiração para aumentar a oxigenação e vocalização na expiração. O ambiente é preparado com a redução da luminosidade e dos ruídos, com o objetivo de dar maior liberdade às mães. O profissional verbaliza e induz a paciente a um relaxamento profundo, em conjunto com massagens e exercícios para estimular a dilatação.

Joyce Aparecida Sousa Alves, moradora do Novo Gama, deu a luz a sua primeira filha no HMIB. Após dez horas de trabalho de parto, relatou que a hipnose ajudou a perder o medo e a acelerar o nascimento.

“Eu achei que não ia conseguir, mas quando a enfermeira começou a utilizar a técnica fui me soltando e acabou sendo muito rápido. Foi uma surpresa porque e não senti dor na hora que meu bebê nasceu”, comenta Joyce.

O processo pode não funcionar com todas as gestantes. Segundo a enfermeira obstetra, Lissandra Martins, pessoas mais racionais podem ficar inibidas porque a primeira condição é acreditar e estar disposta a se soltar.

De acordo com o médico obstetra Leandro Augusto Coelho, as técnicas de profilaxia da dor são recorrentes no hospital que é referência em parto normal humanizado.
“Percebi na prática que as técnicas de humanização tranquilizam e beneficiam a gestante, além de aumentar o laço afetivo entre a família. Essa sensibilização ocorre no cotidiano e assim nos tornamos multiplicadores das práticas inovadoras para o parto mais humanizado”, relata o médico.

PARA PARTICIPAR: A hipnoterapia será oferecida pelo HMIB durante os cursos para gestantes que ocorrem todo 2º e 4º sábados do mês. As interessadas deverão indicar o interesse na lista de presença.

HIPNOTERAPIA PELO MUNDO: A hipnoterapia é uma técnica testada em vários países. Segundo dados da University of Central Lancashire, no Reino Unido, são tantas as adeptas que a universidade conseguiu financiamento do Instituto Nacional para a Investigação em Saúde, para testar o método e comprovar cientificamente os benefícios na redução da dor e dos custos com partos no serviço público de saúde. O site oficial da técnica está no endereço http://hypnobirthing.com/

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui