Governador elogia produtividade “espetacular” da Câmara

0
9

Agnelo (c) defendeu parceria com o legislativo

A Câmara Legislativa retomou as atividades legislativas nesta terça-feira (5), sob o comando de uma nova Mesa Diretora. A primeira sessão do ano foi aberta com a leitura da mensagem do governador, proferida pelo próprio Agnelo Queiroz, na presença de deputados distritais e federais, secretários de estado, administradores regionais e outras autoridades. “A Câmara teve uma produção espetacular em 2012 e esperamos intensificar nossa relação de parceria e respeito”, disse o líder do Executivo.

Em sem discurso lido para um plenário lotado, Agnelo resgatou a situação em que encontrou o Distrito Federal no início de seu mandato, em 2011, “com problemas de toda ordem, herdados de governos anteriores”. Segundo o governador, “essa página já foi virada”: “Está nascendo um novo Distrito Federal, cuja Administração Pública tem como objetivo central cuidar das pessoas”.

Agnelo elogiou a atuação da Câmara Legislativa e o apoio dado ao governo ao longo dos dois primeiros anos de mandato: a Casa aprovou 147 proposições do Executivo em 2011 e 157, em 2012. Além disso, aproveitou para destacar alguns números de seu governo no último ano. Entre eles, o governador apontou as 7,3 milhões de consultas médicas realizadas – o equivalente a três consultas por cidadão/ano, considerando apenas a população do DF. “É um índice maior que o da Suiça”, comemorou.

Homenagens – A sessão foi marcada também por homenagem da Mesa Diretora aos distritais da primeira Legislatura da Casa (1991-1994), entre eles o governador Agnelo Queiroz. “É uma honra reencontrar os deputados que elaboraram a nossa Constituição, a Lei Orgânica do DF”, disse. Ele lembrou as dificuldades daquele período, quando “emendas eram feitas à mão porque faltavam até máquinas de escrever”.

Tragédia em Santa Maria – O presidente da Câmara Legislativa, deputado Wasny de Roure (PT), lamentou no início da sessão a catástrofe ocorrida na boate Kiss, em Santa Maria (RS), na última semana. “Que nossas mentes sejam tocadas nesse momento trágico que o Brasil vive neste momento”, afirmou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui