GOVERNADOR TENTA CONVENCER MINISTRO DE QUE A CAPITAL TEM PLENAS CONDIÇÕES DE SEDIAR A ABERTURA DA COPA DE 2014

2
5

 

Seguindo a orientação da presidente Dilma Rousseff, de visitar as 12 cidades-sede dos jogos da Copa do Mundo de 2014, o ministro do Esporte, Orlando Silva, visitou o governador do DF, Agnelo Queiroz, nesta segunda-feira (14), quando ouviu deste a garantia que as obras no Estádio Mané Garrincha estão em andamento e terminarão até dezembro de 2012, a tempo de sediar a Copa das Confederações, em 2013. A capital segue na disputa para receber a abertura do Mundial de 2014.

O projeto em andamento prevê que o Mané Garrincha tenha 70 mil lugares, adequado para a cerimônia de abertura. Se a Fifa decidir não realizar o evento na capital federal, o estádio terá sua capacidade reduzida à metade. A expectativa é que a decisão sobre a cidade onde ocorrerá a abertura seja tomada até o mês de julho. Após revisão do novo governo, o custo da obra do Mané Garrincha caiu de R$ 700 milhões para R$ 600 milhões.

 

Outro plano em curso é o de reduzir o gargalo do Aeroporto JK, com um novo terminal, destinado ao transporte de cargas. Essa medida atenderá às exigências da Fifa e, ao mesmo tempo, é estratégica para o desenvolvimento econômico do DF e região. Além do segundo aeroporto, o GDF fará obras para melhorar o acesso ao JK.

 

Durante o encontro, o governador apontou ainda outras vantagens da realização da abertura dos jogos em Brasília, como a segurança pública eficiente e o fato de haver na cidade embaixadas que podem fornecer apoio logístico e segurança aos chefes de Estado que participarem da festa. Outra particularidade da capital é que as obras a serem feitas são públicas, o que permite ao GDF planejar o calendário de execução e, após a Copa, abrir processos de concessão para utilização do estádio.

 

Brasília é o quarto destino do ministro, que já passou por São Paulo, Cuiabá e Salvador. Ele  considerou que a capital está no caminho certo para a preparação da Copa. A proposta para que Brasília sedie o Centro Internacional de Mídia foi apresentada pelo GDF no dia 31 de janeiro ao Comitê Organizador da Copa do Mundo de 2014, onde destacou o fato de Brasília ser a cidade ideal para tal, por ser uma cidade moderna, bem estruturada, com localização privilegiada no país e de fácil acesso.

A proposta é que o centro de mídia fique no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade, o Expobrasília. Se o projeto for aceito, o local será reformado, ampliado e passará a oferecer, além da infraestrutura para acomodar a imprensa, estrutura tecnológica de transmissão de informações, com total conectividade e sem custos para a Fifa ou para os usuários. A comissão de avaliação visitará no dia 24 de fevereiro a capital federal, que concorre com Rio de Janeiro e São Paulo. A Fifa TV, sediada na Alemanha, fará a análise técnicas das candidaturas e definirá até junho em que local ficará o Centro Internacional de Mídia.

Fonte: GDF/Foto: Sérgio Dutti

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui