Graça Foster vai depor no Senado para tentar esvaziar criação de CPI

0
6
<br />
Graça Foster vai depor no Senado amanhã<br />
Foto: Guito Moreto / Guito Moreto / Agência O Globo 
Graça Foster vai depor no Senado amanhã Guito Moreto / Guito Moreto / Agência O Globo 

O Globo

Numa tentativa de esvaziar a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), a presidente da Petrobras, Graça Foster, foi convencida a depor no Senado, amanhã. As diversas tentativas de começar uma CPI para investigar a Petrobras deverão ter um desfecho no mesmo dia, quando o plenário do Senado votará o parecer do ex-líder do governo Romero Jucá (PMDB-RR) para a criação da chamada CPI-Combo. Além de irregularidades na Petrobras, ela serviria para investigar também o caso de formação de cartel no metrô de São Paulo, que atinge tucanos, e atividades do Porto de Suape, em Pernambuco, que podem afetar Eduardo Campos (PSB).

A oposição defende a CPI exclusiva por entender que ampliar os fatos a serem investigados é uma forma de desviar o foco para, enfim, não apurar. As recentes revelações de que o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa teria montado um esquema de doações para políticos e partidos serão combustível extra para o cenário já inflamado.

– Os novos fatos mobilizam cada vez mais o governo para impedir as investigações de uma CPI. Governistas se dão conta de que esse Paulo Roberto Costa tem uma caixa de Pandora da qual ninguém sabe o que sairá. Seguramente tem muita gente com medo – diz o líder do PSDB no Senado, Aloysio Nunes (SP).

No Supremo Tribunal Federal (STF), a ministra Rosa Weber deu mais tempo ao governo e vai aguardar explicações do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), antes de decidir sobre o pedido de liminar em mandado de segurança da oposição para agilizar a instalação da CPI exclusiva.

– Os acontecimentos dos últimos dias mostram a inevitabilidade da CPI. É uma cena ridícula do governo tentar fazer uma CPI para investigar tudo. É só para não investigar nada – reclama o líder do PSOL, senador Randolfe Rodrigues (AP).

Fonte: Estação da Notícia

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui