Habitação Grilagem sob a chancela da SPU

0
12
 
Vista de parcelamento na Granja Ipê, com o Park Way ao fundo: propriedades foram abertas em Área de Relevante Interesse Ecológico, contrariando resoluções do Ibram

Indiciada por fraudar demarcações de terras públicas em Vicente Pires para favorecer uma grande construtora, a ex-superintendente de Patrimônio da União no DF Lúcia Carvalho é alvo de outra investigação da Polícia Federal (PF) envolvendo grilagem na capital do país. Há três anos, a ex-deputada distrital autorizou o parcelamento de quase 12 mil hectares na Granja Ipê, zona rural da Vila Caub, no Riacho Fundo 2 (veja Onde fica). As propriedades, com vistas para os fundos do Park Way, seriam erguidas em uma Área de Relevante Interesse Ecológico (Arie). Segundo apuração da PF, a região foi fracionada em 54 chácaras sob a chancela de Carvalho, contrariando várias resoluções do Instituto Brasília Ambiental (Ibram), que considera as glebas em questão não edificantes. Leia mais

Fonte: Correio Braziliense

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui