Incredulidade

4
14

filippelli3Alguns presidentes de partidos políticos da base governista simplesmente não engoliram o que chamaram de “encenação” , o almoço ocorrido ontem entre os maiorais do PT e do PMDB em Águas Claras, na residência oficial do governador Agnelo Queiroz (PT).

Segundo informações colhidas pelo Blog, o casamento já acabou faz tempo. O vice-governador Tadeu Filippelli apenas  adiou  o divórcio, que deve ser entre abril ou junho. Afinal, se deixasse Agnelo agora, perderia muitos cargos e seu grupo político ficaria na rua da amargura antes das eleições.

É preciso garantir o Natal dos peemedebistas. Depois é outra história, a não ser que Agnelo Queiroz melhore substancialmente seus números nas pesquisas.

Também vale a pena traduzir nas entrelinhas, o que disse Filippelli durante o evento: “Esse almoço foi extremamente importante para a reedição da aliança. Olhe bem a palavra que usamos: não é reconstrução, (já que) em momento algum foi descontruído. É uma reedição da aliança, e é lógico que ela pressupõe atenção de ambas as partes para a consolidação”, destacou.

Enquanto isso, o Buriti observa, os adversários combinam e as apostas começam. O jogo começou pra valer.

 

 

Fonte: Donny Silva

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui