IRRITADA E CONTRARIADA, HELOÍSA HELENA DEIXA PRESIDÊNCIA DO PSOL

3
7
 

A candidata derrotada ao Senado por Alagoas, Heloísa Helena, anunciou nesta quarta-feira seu afastamento da presidência nacional do PSOL.

Em nota , a ex-senadora e vereadora de Maceió afirma que sua saída se deve “à total falta de identidade” com o apoio da legenda à candidatura de Dilma Rousseff (PT).

Na nota, ela ainda agradece a “solidariedade de muitos”, sem citar o partido, e reclama da campanha alagoana:

Registro que enfrentei o mais sórdido conluio entre os que vivem nos esgotos do Palácio do Planalto – ostentando vulgarmente riquezas roubadas e poder – e a podridão criminosa da política alagoana. Sobre esse doloroso processo só me resta ostentar orgulhosamente as cicatrizes, os belos sinais sagrados dos que estiveram no campo de batalha sem conluio, sem covardia, sem rendição!”.

Heloísa Helena é uma das fundadoras do PSOL, em dezembro de 2003. O partido é formado por dissidentes do PT, expulsos da legenda depois de discordarem da orientação econômica do Governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Nestas eleições, ela perdeu uma das duas vagas ao Senado para Renan Calheiros (PMDB) e Benedito de Lira (PP), ambos com voto declarado, na televisão e no rádio, no guia eleitoral, do presidente Lula.

 Ela não admite ‘voltar’ aos braços do PT, nem sob tortura.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui