Israel pede liberação de faixas exclusivas nos feriados e finais de semana

0
5

Desde o começo de 2012 motoristas do Distrito Federal têm se adaptado às faixas exclusivas para ônibus, táxis e vans escolares implantadas em diversos pontos da cidade. A intenção com a medida é fazer com que haja maior agilidade para esses tipos de transporte nos dias e horários de maior pico no trânsito. Para o deputado distrital Professor Israel, a aplicação da medida é válida nos dias úteis, mas desnecessária nos finais de semana e feriados.

Por isso, o parlamentar enviou ao Poder Executivo local indicação solicitando que seja suspenso o funcionamento dos corredores exclusivos nos feriados e finais de semana. Entre os objetivos está o de amenizar pontos de retenção em alguns locais da cidade, como na EPNB, que chega a registrar trânsito lento e até engarrafamento aos sábados e domingos, enquanto o movimento cai nas faixas exclusivas. A medida, no entanto, não terá impacto na vida daqueles que fazem o trajeto de ônibus nos fins de semana.

Por outro lado, existem vias que apresentam queda na quantidade de veículos. “Ora, se o motivo que inspirou a criação da política pública inexiste nada justifica que se mantenha”, justifica Israel. Na opinião do parlamentar, não faz sentido multar motoristas nas faixas exclusivas para ônibus nos finais de semana e feriados, pois isso gera um desgaste desnecessário aos cidadãos perante o Poder Público.

Até o momento foram implantados cinco corredores exclusivos em Brasília. Os motoristas que desrespeitam a faixa exclusiva podem receber multas de R$ 53,21 e três pontos na carteira, no caso de carros, e de R$ 85,13 e quatro pontos na carteira para ônibus infratores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui