Joe Valle ataca Rollemberg e pede explicações sobre uso de R$ 9 bi

0
0

Utilização da verba foi autorizada pela CLDF nos três primeiros anos de governo. Presidente da Casa quer saber qual o destino dos recursos

FELIPE MENEZES/METRÓPOLES
Suzano Almeida

Em um de seus raros discursos na tribuna desde que se tornou presidente da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF), no início do ano passado, Joe Valle (PDT) partiu para o ataque contra o governador Rodrigo Rollemberg (PSB) nesta quarta-feira (2/5). Ele cobrou do chefe do Executivo e ex-aliado informações sobre onde foram empregados os R$ 9 bilhões que saíram de diversos fundos com a autorização do Legislativo, de forma cumulativa, entre 2015 e 2017.

As críticas de Joe tiveram como base estimativas constantes nas justificativas de projetos de lei apresentados pelo Executivo. Entre eles, propostas que mudaram a destinação de recursos de fundos, tributações, operações de crédito, financiamentos e retiradas do Instituto de Previdência dos Servidores do DF (Iprev).

 

“Queremos saber onde foi parar esse recurso. São quase R$ 9 bilhões que o governador pôde pegar para fazer o que quisesse. Não dá para o governo terminar sua gestão com as contas em dia e o cidadão sem ver nada disso. Em breve haverá um novo governo e não temos a dimensão do que aconteceu nesta gestão”, afirmou Joe Valle.Ao todo foram aprovadas 35 proposições nesse sentido, sendo a mais polêmica a unificação de fundos do Iprev e a retirada de recursos da Previdência dos servidores. “O GDF disse que não tinha recursos. Agora que retirou tudo do Iprev, não vai ter mais de onde tirar”, completou Joe.

Até a última atualização deste texto, a assessoria do governador não havia respondido aos questionamentos da reportagem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui