MAIS
    HomeDistrito FederalJuraci Tesoura de Ouro é preso suspeito de participar de esquema de...

    Juraci Tesoura de Ouro é preso suspeito de participar de esquema de sonegação

     

    Na manhã desta quinta-feira (11), a  Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) deflagrou uma operação contra um grupo suspeito de cometer crime contra a ordem tributária e sonegar R$ 45 milhões em impostos. O dono da marca de varejo Tesoura de Ouro, Juraci foi preso, segundo apurações da TV Globo.

    De acordo com as investigações, o grupo usou, pelo menos, 123 empresas fictícias ou de fachada para a emissão de notas fiscais fraudulentas. O objetivo era evitar o pagamento de impostos. Essas empresas estavam em nomes de laranjas, que viviam rotinas que não condiziam com os valores milionários movimentados pelas empresas, segundo a Polícia Civil.

    A operação desta quinta é coordenada pela Delegacia de Repressão aos Crimes contra a Ordem Tributária (DOT), vinculada ao Departamento de Combate a Corrupção e ao Crime Organizado (DECOR).

    Em 2018, então candidato a deputado federal pelo PTB, o empresário Juraci Tesoura de Ouro declarou ter R$ 5,3 milhões em espécie. A quantia consta no relatório apresentado ao Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE-DF). Ao todo, o patrimônio do político brasiliense ultrapassava a marca de R$ 7 milhões. Ele gastou milhões e não foi eleito.

     

     

    Com informações do G1-DF

    LEAVE A REPLY

    Please enter your comment!
    Please enter your name here

    Deve ler

    spot_img