Justiça estipula fiança de R$ 23 mil para liberar conselheiro da OAB

0
24

Justiça estipula fiança de R$ 23 mil para liberar conselheiro da OAB
Wendel Lemes de Faria, 41 anos, tentou sacar R$ 250 mil com procuração falsa em uma agência da Caixa Econômica Federal

Kelly Almeida , Breno Fortes
O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) estipulou fiança de R$ 23.640 para liberar o advogado e conselheiro da Ordem dos Advogados do Brasil do Distrito Federal (OAB-DF) Wendel Lemes de Faria, 41 anos. Ele foi preso na última segunda-feira (16/3) em uma agência da Caixa Econômica Federal tentando sacar R$ 250 mil com uma procuração falsa. A determinação do juiz Felipe de Oliveira Kersten, da 7ª Vara Criminal, é que Wendel deixe o Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran) depois de pagar a fiança, mas compareça mensalmente à Justiça.

Saiba mais

Conselheiro da OAB é preso ao tentar sacar R$ 250 mil com procuração falsa
Ao conceder a liberdade provisória, o magistrado determinou ainda a “suspensão do exercício da advocacia até o julgamento do feito em primeira instância, de forma a evitar o envolvimento do conduzido em práticas criminosas”, além da proibição de se ausentar de casa por mais de oito dias sem comunicar a Justiça.

Wendel foi preso por agentes da Coordenação de Repressão aos Crimes contra o Consumidor, à Ordem Tributária e a Fraudes (CORF) depois de tentar fazer a transação na agência do Gilberto Salomão. Ele foi ouvido e autuado por uso de documento falso na Corf, no Departamento de Polícia Especializada (DPE), mas, por ter prerrogativa de prisão em sala de Estado Maior por ser advogado, foi levado para um espaço mais amplo, no BPTran.

Leia mais notícias em Cidades

À presidência da OAB, Wendel afirmou que tem contrato de honorário e recebeu a procuração, reconhecida em cartório, para fazer a transação financeira como forma de pagamento dos serviços de advogado. Mas o documento estava falsificado.

 

Fonte: Correio Braziliense

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui