Marinus Marsico: ‘Se a Petrobras não fosse pública, já tinha quebrado

0
16

Representante do Ministério Público no Tribunal de Contas da União afirma que a estatal de petróleo sofre com má gestão e ingerência política desde 2005

O procurador do Ministério Público do Tribunal de Contas da União (TCU), Marinus Marsico: ‘Se a empresa não fosse pública, já tinha quebrado’ (Adauto Cruz/Correio Braziliense/D.A. Press) Leia mais

Fonte: LARYSSA BORGES revista Veja

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui