MENTIRA TEM PERNA CURTA

6
10

Quando assumiu o GDF o governador Agnelo dos Santos Queiroz Filho, disse que o ex-governador Rogério Rosso havia deixado o caixa vazio, um rombo financeiro e que não havia dinheiro em caixa. Eis que na edição de hoje do Correio Braziliense, a verdade aparece, havia um saldo no caixa do GDF R$ 1,260 bilhão.

Veja abaixo trecho da matéria….

“Quando Agnelo assumiu o Buriti, havia saldo R$ 1,260 bilhão, de acordo com o relatório de gestão fiscal publicado no Diário Oficial do DF em 27 de janeiro. Em um semestre, esse total saltou 66%, ultrapassando a marca dos R$ 2 bilhões. A tranquilidade financeira levou o governo a anunciar, há uma semana, um pacote com mais de 300 obras. Especialistas em finanças públicas sustentam que não há mais justificativa para morosidade na aplicação dos recursos.”

É Agnelo,  a herança não era tão maldita assim, o que faltou foi competência, quase sete meses depois de sua posse continua faltando é competência.

Fonte: Blog do Sombra

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui