Ministério Público denuncia João Gomes (PT) por improbidade administrativa

0
16

Ação de improbidade envolve João Gomes e o Procurador Geral Edmar Silva. MP pede a devolução de R$ 3,1 milhões.

O prefeito de Anápolis (GO) João Gomes (PT) e o Procurador Geral do Município, Edmar Silva, são réus no Processo 2015047105677. A Ação Civil Pública por Ato de Improbidade Administrativa foi movida pelo Ministério Público Estadual. O valor da ação é de R$ 3.211.387,00.

Segundo certidão narrativa emitida  pela Vara da Fazenda Pública Municipal Registro Público e Ambiental da Comarca de Anápolis, o processo encontra-se concluso para julgamento.

Fonte: Anápolis 24 horas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui