Na primeira legislatura da CLDF, não havia verba indenizatória

0
12

Os políticos que fizeram parte da primeira legislatura da Câmara Legislativa do Distrito Federal, não tinham verba indenizatória. Ou seja: pagavam as despesas do mandato com o próprio salário. Já os atuais deputados tem muitas regalias diante da primeira legislatura da CLDF.

A verba indenizatória são os recursos que o Poder Legislativo repassa para custear os trabalhos dos gabinetes parlamentares. Chama-se indenizatória porque é liberada após os gastos realizados. A verba indenizatória é usada para ressarcir despesas com locação de imóveis e de veículos, material de expediente, combustível e contratação de consultoria, entre outros. Na Câmara Legislativa, cada gabinete pode receber até R$ 25.322,25 mensais.

Primeira Legislatura (1991-1994)

DEPUTADOS SUPLENTES
    Agnelo Queiroz – PC do B

Aroldo Satake – PPB

Benício Tavares – PTB

Carlos Alberto – PPS

Cláudio Monteiro – PRP

Edimar Pireneus – PMDB

Eurípedes Camargo – PT

Fernando Naves – PPB

Geraldo Magela – PT

Gilson Araújo – PPB

Jorge Cauhy – PMDB

José Edmar – PMDB

José Ornellas – PL

Lúcia Carvalho – PT

Manoel de Andrade-PMDB

Maria de Lourdes Abadia- PSDB

Maurílio Silva – PTR

Padre Jonas – PSD

Pedro Celso – PT

Peniel Pacheco – PSDB

Rose Mary Miranda-PMDB

Salviano Guimarães-PSDB

Tadeu Roriz – PPB

Wasny de Roure – PT

    Cícero Miranda – PFL

Danton Nogueira – PPB

Odilon Aires – PMDB

 

 

Fonte: Donny Silva