No rastro do roedor

0
14

roedorCOelhoO roedor finge que nada aconteceu durante sua fenomenal passagem por certa secretaria do GDF há alguns anos atrás. Nova vida digna de rei, muitos sorrisos e amassos agora estão por um fio. As provas são muitas e o roedor logo será despertado pelos legítimos homens da Lei, que cumprirão com o dever. Afinal, o tempo é o senhor da razão e nada fica encoberto para sempre.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui