NOVA DENÚNCIA APONTA ESPIONAGEM DA POLÍCIA CIVIL NO MINISTÉRIO PÚBLICO

0
12

deu no Correio Braziliense

O Ministério Público do DF deve oferecer uma nova denúncia contra o governador licenciado José Roberto Arruda. Em posse dos investigadores da Polícia Federal, o documento apontaria indícios de que setores da inteligência da Polícia Civil espionaram os trabalhos do Ministério Público referentes ao suposto pagamento de proprina a Arruda, Paulo Octávio e deputados da base aliada. Seria uma tentativa de atrapalhar o curso normal das investigações da Caixa de Pandora.

O delegado federal e secretário de Segurança Pública do DF, Valmir Lemos, demonstrou surpresa com a notícia. No final da tarde deste sábado quando deixava a superintendência da PF após visita de quase duas horas a Arruda, ele disse que não sabia da existência dessa nova acusação.

“Não sei qual fato está sendo apurado, mas a PF e o Ministério Público devem ter elementos concretos que possam justificar essa situação”, disse ele, em entrevista coletiva à imprensa. “Toda a investigação tem ocorrido de maneira sigilosa, mas tudo deve ser apurado com tranquilidade”, ressaltou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui