O ENRIQUECIMENTO ILÍCITO DE ARRUDA

0
11
Um morador de Itajubá me informou que os imóveis são muito caros, porque a cidade é universitária e há grandes empresas por lá. Conheço esses dados. O que surpreende é um apartamento de Arruda na cidade ter sido vendido por R$300 mil e em condições facilitadas; Arruda tem ainda a casa milionária no Lago Sul e outros imóveis, o que não condiz com seus rendimentos desde que ingressou na vida pública. Enquanto o deputado distrital Benedito Domingos (PP) afirma que ficou pobre na vida pública, o mesmo não pode ser aplicado ao governador Arruda. Segundo o Ministério Público, há, na vida pública de Arruda, sinais exteriores de enriquecimento ilícito. E Itajubá, diante do Distrito Federal, continua sendo uma cidade pequena e boa parte da população está envergonhada de ver seu filho mais ilustre aparecer quase que diariamente na televisão em cenas deploráveis, humilhantes, chocantes e revoltantes. A população, tanto de Brasília quanto de Itajubá, definitivamente ficou perplexa com tantas denúncias e imagens que dizem tudo. A Polícia Federal fez o cruzamento de dados através dos documentos e computadores apreendidos na operação Caixa de Pandora, e fará a entrega do relatório final ao Supremo Tribunal de Justiça nesta quarta-feira. Há provas contra 18 investigados e novas diligências serão feitas. Pedidos de prisão preventiva de alguns investigados não estão descartados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui