O incorrigível Corregedor

0
1019

Enquanto isso, no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ),  a chapa esquenta para o lado do conhecido e polêmico Corregedor-geral Bernardo Moreira Garcez Neto.

Segundo denúncia no CNJ (Conselho Nacional de Justiça), o Corregedor ignorou uma decisão do Presidente do Tribunal de Justiça e procurou métodos supostamente nada ortodoxos para obter a transferência de sigilos sem autorização judicial para investigar colegas. Ainda segundo informações, há comentários nos corredores do TJRJ, que apontam que até o Presidente,  Claudio de Mello e sua mãe já tiveram os sigilos violados pela Corregedoria.

Agora, quem deverá ser investigado a fundo será mesmo o desembargador-Corregedor que pensa ser discípulo de Toffoli ou Moraes. Ou seja: acha que tudo pode, sem pudor, nem limites!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui