O TEMPO PASSA, O TEMPO VOA E TUDO CONTINUA NUMA BOA

3
11

 

Uma operação de lobistas e “empresários” está em curso no DF com o objetivo de provocar situações que culminem com um aumento no preço das passagens de ônibus.  Tudo está sendo articulado para que a coisa chegue a tal ponto que o governador Rogério Rosso não tenha outra saída senão autorizar o aumento. É só o que os lobistas aguardam para apresentar aos empresários do setor de transporte uma fatura de nada mais nada menos que R$ 2 milhões.

Outro esquema – No final do ano passado, o empresário do ramo, Valmir Amaral, invadiu a sala do então presidente da Câmara Legislativa, Leonardo Prudente, para denunciar um suposto esquema de propina dentro daquela Casa. Segundo ele, o objetivo seria mudar a Lei do Passe Livre e garantiu, à época, que  os deputados teriam cobrado R$ 1 milhão para alterar a referida lei e possibilitar que o subsidio do governo passasse de R$ 4 milhões para R$ 8 milhões, o dobro, portanto. Além disso, teriam cobrado R$ 600 mil para derrubar o veto do governador.

Amaral chegou a citar os nomes de Leonardo Prudente e Eurides Brito, mas assegurou  que “outros” também estariam envolvidos e informou que não teria aderido ao esquema de corrupção, tendo se recusado a pagar a sua parte no “acordo”, de R$ 170 mil.

Fonte: Blog do Sombra

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui