O vigia das terras públicas

0
16
 

As valiosas áreas de propriedade da Terracap, como os terrenos da QL 32 do Lago Sul e os lotes do futuro Setor Taquari 2, são vigiadas 24 horas por dia por empregados do ex-deputado distrital Leonardo Prudente — denunciado na Operação Caixa de Pandora e protagonista da famosa oração da propina. A empresa 5 Estrelas Sistemas de Vigilância Ltda., de propriedade da família Prudente, ganhou uma licitação da Terracap em novembro de 2009. O contrato de R$ 6,2 milhões, com validade de um ano, incluía a segurança de todas terras públicas da companhia e do edifício sede. A principal missão é evitar invasões e casos de grilagens. De lá para cá, não houve nova concorrência. A Terracap apenas aprovou suplementações de pagamento e prorrogações do prazo do contrato. Desde então, a 5 Estrelas já faturou quase R$ 30 milhões do GDF. O último aditivo foi publicado há uma semana.

 

Por Ana Maria Campos e Helena Mader

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui