Operação Aquarela: Tarcísio Franklin é condenado

0
135

Finalmente temos uma boa notícia sobre a Operação Aquarela, deflagrada em 2007. A Justiça condenou quatro réus por improbidade administrativa por desvio de milhões de reais do Banco de Brasília (BRB) em contratos sem licitação com a empresa ATP Tecnologia e Produtos S.A.

O ex-presidente do BRB Tarcísio Franklin de Moura, por exemplo,   foi condenado a devolver R$ 653.261 aos cofres públicos, e o pagamento de multa no valor de R$ 1.959.783.

Aos amigos, ele adorava exibir seus quadros, relógios e sua casa de praia na Bahia. Se gabava de ser poderoso e amigo de Joaquim Roriz. Tarcísio perdeu quase tudo, e não foi falta de aviso…

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui