Operação Terra Livre prende advogada e ex-comissionada do Senado

1
3066

Na manhã desta quarta-feira (18), a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), por meio da 13ª DP, deflagrou a Operação Terra Livre com a finalidade de desmantelar duas quadrilhas que brigam pela posse ilegal de terras. A localidade – área de proteção manancial e ambiental –, que pertence à Terracap, é destinada à concretização do Polo de Cinema de Sobradinho.

A ação teve o objetivo de cumprir quatro mandados de prisão preventiva e 11 mandados de busca e apreensão.

Ainda que a ocupação estivesse ocorrendo de forma “autorizada”, os policiais constataram que os grupos rivais estariam realizando parcelamento irregular em glebas abaixo de dois hectares. Os grupos faziam ameaças com arma de fogo e também realizavam ocorrências policiais fraudulentas, imputando crimes uns aos outros. Integrantes dos bandos ligavam no 190 e simulavam situações flagranciais que prejudicassem o grupo rival.

As duas quadrilhas tentavam simular a permanência no local, há vários anos, o que denominavam de “novatos de boa-fé”. Faziam “gambiarras” de energia além de instalações hidráulicas que ameaçavam os recursos hídricos da área.

Durante a ação, os agentes aprenderam celulares, documentação, carimbos de cartórios e de atividades relacionadas à legalização fraudulenta de documentos.

De acordo com a delegacia, as duas organizações também tentavam se infiltrar no meio político com o objetivo de conseguir favorecimentos. Os integrantes dos dois grupos, caso sejam condenados, podem pegar de 7 a 22 anos de reclusão pela prática de associação criminosa, parcelamento irregular do solo e crimes ambientais. Três suspeitos estão foragidos.

Ligada ao deputado distrital Robério Negreiros, a advogada Alinne Souza Marques (foto acima) foi presa na Operação Terra Livre por grilarem de terras e dano ambiental em Sobradinho. Ela é servidora na Secretaria de Trabalho do DF.

Também foi presa Mônica Sacramento, conhecida petista que exerceu cargo comissionado no Senado.

Investigações serão aprofundadas.

1 COMENTÁRIO

  1. Excelente trabalho da PCDF!! Era comum ver fiat Toro ultra 2022, hillux e etc., trazendo madeirites e ripas pra subir barracos e “simular” que já moravam lá há tempo… bandidos safados, deviam apodrecer na cadeia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui